Cartilha de Boas Práticas Ambientais para o Produtor Rural

CARTILHA CAMINHOS SUSTENTÁVEIS PECUÁRIA.cdr

Estabelecer um diálogo com a cadeia produtiva agropecuária sobre as normas do Novo Código Florestal, por meio de uma linguagem simples e acessível é o objetivo da Cartilha Caminhos Sustentáveis da Pecuária, disponível para download e em versão digital.

A cadeia produtiva da carne tem sido apontada por estudos e organizações como a principal responsável pelo desmatamento da Amazônia, mas também, como o setor que mais pode contribuir para a mudança desse paradigma e o alcance das metas climáticas brasileiras.  A Amigos da Terra, desde 2012 tem buscado formas de dialogar com o setor para a implementação da legislação ambiental vigente e em busca de novos padrões de compra no mercado consumidor.

VERSAO2

 OU VEJA A VERSÃO DIGITAL ABAIXO

Para Mauro Armelin, diretor executivo da organização, “trabalhar com toda a cadeia de produção da carne, do pecuarista ao varejista, da cria até a engorda sempre atento as questões socioambientais é a chave para promovermos a criação de animais de forma responsável na Amazônia, cumprindo todas as normas estabelecidas pelo código florestal e criando oportunidade de desenvolvimento econômico para a região”.

Dividida em duas partes, a cartilha apresenta uma história em quadrinhos de dois produtores rurais que conversam sobre o Código Florestal e as conveniências da regularização ambiental porteira adentro.  No final é possível encontrar uma seção de pergunta e respostas com os principais trechos da legislação ambiental.

Pedro Burnier, gerente do Programa Agropecuária da Amigos da Terra, ressalta que a cartilha “utiliza uma linguagem simplificada que pretende sanar as dúvidas sobre tópicos considerados relevantes como Reserva Legal, desmatamento, Cadastro Ambiental, entre outros”.

COMO IMPRIMIR?

A cartilha convida todos envolvidos na cadeia da carne para que façam parte da mudança em prol de uma pecuária sustentável. Por isso o material está em formato para impressão possibilitando que, por exemplo, frigoríficos utilizem a cartilha em eventos com seus fornecedores.

Interessados em imprimir e distribuir o material devem enviar um e-mail para contato@amazonia.org.br.

SAIBA MAIS: